fechar
MadayaMom1

Madaya Mom… a triste realidade de civis na Síria retratada em quadrinhos…

Em uma parceria da Marvel com a ABC News, criou-se uma história em quadrinhos retratando a uma mãe e seus filhos lutando pela sobrevivência na cidade síria de Madaya.

A cidade está cercada e, apesar de estarem a apenas uma hora de distancia da cidade de Damasco, os residentes dependem da ajuda humanitária para suprirem suas necessidades básicas.

Ao longo de um ano, o governo autorizou a entrega de ajuda humanitária apenas cinco vezes. Pessoas estão morrendo de fome. Muitos estão fervendo folhas e grama para não morrerem de fome.

Os repórteres da ABC News conseguiram contato por meio de mensagens e ligações telefônicas com uma mãe, cuja identidade foi mantida em segredo para sua segurança.

Ela forneceu um retrato triste da luta dela, seu marido e seus cinco filhos em sobreviver em meio a esta dura realidade.

Com base nestas informações, criou-se este importante trabalho artístico documental.

A comida é escassa.

A energia elétrica foi cortada há seis meses.

O galão de gasolina passou, do equivalente em dólar, $8,64, de antes do cerco, para $90 nos dias atuais.

Os celulares são carregados com a bateria dos carros, que por sua vez, precisam do combustível para serem recarregados.

O frio é também um dos obstáculos a serem superados. Móveis de madeira são quebrados para alimentarem fogueiras.

A espera de uma intervenção das Nações Unidas é esperada ansiosamente. Há uma sensação de abandono pelo mundo.

Campos minados cercam a cidade. Buscar suprimentos se torna perigoso. Aliás, isto ocorreu com um vizinho de Madaya Mom, ele saiu com duas pernas e voltou com uma.

Madaya Mom conta os contrastes de como era antes da guerra. Os sonhos e habilidades particulares de cada filho. Agora apenas lutam para sobreviver.

 

O Madaya Mom #1 termina com uma frase que resume tudo.

 

“You can call Madaya the city of Death. So many are dead… And those who aren´t you can see death in their eyes.”

(Tradução livre: Você pode chamar Madaya de cidade da Morte. Tantos mortos… e aqueles que não estão (mortos), você pode ver morte nos seus olhos.)

 

É tocante e impossível não se sensibilizar com estes relatos.

É pesaroso saber que há inúmeras pessoas vivendo, alias sobrevivendo, nesta triste realidade.

A reportagem foi feita pelos repórteres Xana Oneill e Rym Momtaz. O artista foi Dalibor Talajic e o colorista foi Miroslav Mrva.

Vale a pena conferir no link:         Madaya Mom – ABC News

Confira algumas páginas deste excepcional trabalho:

 

Fonte

Madaya Mom – ABC News

 

Rogerio Chinen

O Autor Rogerio Chinen

médico formado na UNIFESP
aficcionado por cinema e tecnologia
interessado em questões filosóficas e sobre o conhecimento humano
idealizador, criador e webmaster do site Espiral de Valor

Leave a Response

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE